FertilidadeInfertilidadeReprodução Humana

Fator masculino de infertilidade

Fator masculino de infertilidade

Dra. Sílvia Joly Mattos

Tenho acompanhado a série especial do programa Fantástico, da Rede Globo, sobre Fertilidade e aproveitando que muitas pacientes vieram conversar comigo sobre o tema, esclarecendo dúvidas, volto a falar sobre o assunto. No último domingo, dia 12 de agosto, foi bastante comentado o fator masculino de infertilidade.

Como já escrevi em posts anteriores, o espermograma faz parte da investigação básica em infertilidade, assim como outros exames essenciais, como as dosagens hormonais, ultrassom e histerossalpingografia.

Para avaliação do fator masculino de infertilidade é muito importante a participação do urologista. É preciso ressaltar que no espermograma não importa apenas a quantidade, mas sim a qualidade dos espermatozoides (em especial a motilidade e a morfologia).

Em relação aos hábitos de vida, um problema muito comum atualmente tem sido o uso de anabolizantes por parte dos homens. Isso tem grande interferência na produção de espermatozoides.

E em grande parte dos casos, a causa pode ser a varicocele, que consiste na dilatação das veias do cordão testicular. O diagnóstico de varicocele é principalmente clínico, durante o exame físico realizado pelo médico urologista. O ultrassom é um exame complementar, que pode confirmar essa suspeita. Importante: nem todos os casos de varicocele afetam a fertilidade!

Outra situação frequente de procura por Fertilização in Vitro (FIV), onde existe o fator masculino de infertilidade, é o caso de homens que passaram por vasectomia. A reversão da vasectomia nem sempre tem sucesso, por isso muitos casais optam pela FIV.

Independentemente da causa, masculina ou feminina, o problema da infertilidade é sempre do casal, porque a frustração de não engravidar de forma natural atinge ambos. Esse, inclusive, é um assunto que citei bastante na minha Dissertação de Mestrado em Infertilidade, que defendi no ano de 2000, na Unicamp.

Dra. Sílvia Joly Mattos, de Campinas/SP, é médica especialista em Ginecologia e Obstetrícia, Reprodução Humana e Vídeo-Histeroscopia.